Concluída a obra do telhado na Matriz de Santo Amaro, em Queluzito

Concluída a obra do telhado na Matriz de Santo Amaro, em Queluzito

Foi finalizada a obra no telhado da Igreja Matriz de Santo Amaro, em Queluzito (MG), cuja história remonta à primeira metade do século XVIII, com a sua primitiva Capela.

Os recursos, disponíveis por meio do Termo de Fomento junto a Arquidiocese de Mariana com o município, trouxe a cidade a primeira obra de restauração, destinada especificadamente para a execução do telhado.

A Arquidiocese de Mariana, com a supervisão do pároco, padre Dario Chaves Pereira, contratou os serviços e administrou os recursos. No último dia 14 de janeiro a obra foi então concluída, para a satisfação e alegria do povo e de visitantes.

Forro de manta térmica colocado debaixo das telhas da Igreja Matriz de Santo Amaro Foto: Paróquia de Santo Amaro

A Paróquia de Santo Amaro, em contrapartida, através de campanha com os fiéis, custeou o “Projeto do Telhado” e outras despesas, sendo a execução das obras com recursos originários do citado Termo de Fomento.

É importante registrar que mesmo antes desta obra a Paróquia de Santo Amaro, com recursos próprios, já havia concluído, em 2019, o projeto de Incêndio e Pânico, além de executar também o projeto do Sistema de Proteção contra Descargas Atmosféricas (SPDA). A próxima obra, que visa recuperar o forro, já foi aprovado. A Arquidiocese tem a expectativa de poder firmar nova parceria com o município.

Telhado novo da Igreja de Queluzito. Foto: Paróquia de Santo Amaro

Em breve, a Paróquia de Santo Amaro pretende executar a reforma completa da Igreja, cujos estudos estão a cargo da Arquiteta Sandra Fosques.

A Igreja detém Tombamento Municipal desde o ano de 2002 e a Arquidiocese de Mariana registra, mais uma vez, os agradecimentos ao dedicado e competente padre Dario e ao bom povo de Queluzito por essas tão importantes realizações. Especialmente, agradece ao município por essa inovadora e pioneira parceria que poderá servir de inspiração para a preservação da arte e da cultura de Minas Gerais.

Padre Darci Fernandes Leão, Ecônomo da Arquidiocese de Mariana, e Danilo Vidigal, diretor da empresa AGD responsável pela obra do telhado Foto: Ana Clara

Fonte: Departamento Arquidiocesano de Comunicação

Deixe uma resposta