Governo confirma 13º salário do INSS para maio e junho, veja

Governo confirma 13º salário do INSS para maio e junho, veja

Após uma longa novela, a antecipação do 13º salário dos aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) será liberada. O governo trabalha para liberar a primeira parcela do benefício em maio e a segunda em junho.

O secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Bruno Bianco, confirmou nesta quarta-feira (28) que a antecipação do 13º salário dos aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social terá sua primeira parcela paga no final de maio.

O Ministério da Economia inclusive já finalizou o decreto que autoriza o pagamento do 13º salário antecipado onde o mesmo deve ser publicado até amanhã (30) para ser possível processar a folha de pagamentos dos segurados do INSS a tempo dos pagamentos começarem em maio.

A projeção do governo é que mais de R$ 50 bilhões sejam liberados a mais de 31 milhões de aposentados e pensionistas do INSS.

No mês de abril houve-se uma grande expectativa de que os pagamentos pudessem ocorrer este mês, no entanto, com o atraso na sanção do Orçamento desse ano a medida ficou inviabilizada.

A antecipação do 13º salário dos aposentados faz parte do pacote de medida adotadas pelo governo para o controle da crise financeira em decorrência dos efeitos da pandemia.

A medida também foi adotada em 2020, no entanto, no ano passado a primeira parcela ficou para abril e a segunda para maio. No entanto, para 2021, com tantos atrasos, a medida fica para o mês de maio e junho.

Fonte: jornalcontabil

Deixe uma resposta